Skip to main content
Matéria de capa

Da terapia à cura espiritual

Da edição de outubro de 2003 dO Arauto da Ciência Cristã


Como ocorreu a transição da sua carreira para a cura espiritual?

Apesar de ser muito bem sucedida, eu sentia falta de algo. Intuitivamente, achava que a espiritualidade seria minha resposta. Eu acreditava em Deus e comecei uma busca enorme. Passei por yoga, meditação, cristais. Li muitos livros, fui a congressos e conversei com diversos profissionais. Experimentei quase tudo, pois queria praticar algo que, em meu coração, fosse a resposta certa. Mas, nada me satisfazia inteiramente.

Você considerava certas doenças incuráveis?

Eu acreditava no que havia aprendido e, sim, pela medicina, há certas doenças mentais e disfunções consideradas incuráveis. Ensina-se que só podem ser controladas. Pensei assim até ler Ciência e Saúde com a Chave das Escrituras, de Mary Baker Eddy.

Como você chegou a esse livro?

Meu marido freqüentou a Escola Dominical da Christian Science, por isso tínhamos o livro em casa. Alguns meses após minhas pesquisas, eu estava muito depressiva, pois não encontrara o que buscava. Certo dia, sozinha na sala, tive uma vontade enorme de ler Ciência e Saúde. Quando comecei a lê-lo, lágrimas rolaram de meus olhos... Pensei: “É isso o que eu estava procurando.” Eu o li por horas, comecei a sublinhá-lo e a fazer anotações.

O que aconteceu depois disso?

Não conseguia parar de ler Ciência e Saúde. A visão a meu respeito, a respeito dos outros e do mundo foi transformada. Apliquei as idéias do livro, vi curas e resolvi outros problemas. Procurei uma Igreja de Cristo, Cientista e lá conheci pessoas que haviam lido o livro e viviam de acordo com as idéias nele apresentadas. Eu queria fazer o mesmo.

Você pode dar um exemplo de cura espiritual?

Eu sofria de um problema na glândula tireóide, diagnosticado por uma endocrinologista, e deveria tomar medicamentos para o resto da vida. Entretanto, ao ler Ciência e Saúde, quanto mais eu entendia o meu relacionamento com Deus e a Sua natureza, mais eu pensava: “Não é certo depender dessa medicação.” Optei por receber um tratamento pela Christian Science, ao invés de continuar tomando os remédios. Liguei para uma praticista da Christian Science e pedi que orasse comigo. Alguns dias depois, estudando os escritos de Mary Baker Eddy. encontrei esta passagem: “Deus é vida; e como há um único Deus, só pode haver uma única Vida.” (Unity of Good [Unidade do bem], p. 37). Naquele momento compreendi que Deus é a minha vida, pois só há uma única Vida, portanto, a vida não pode ser material. Tive a certeza de estar curada. Algum tempo depois, a tireóide, que havia crescido tanto, voltou ao tamanho normal. Isso já faz mais de dez anos e nunca mais tive um problema semelhante.

Bem, você foi curada, ia à igreja, e o que aconteceu com a sua profissão?

Durante as sessões de terapia, eu não conseguia deixar de lado o que estava aprendendo. As pessoas começaram a compartilhar sua própria espiritualidade. Algumas vezes, sugeri a leitura de Ciência e Saúde e todos foram receptivos. Cheguei a um ponto em que, para ser honesta comigo mesma, não poderia continuar com as sessões de terapia, porque isso exigia analisar os pacientes de uma maneira diferente da que estava aprendendo em Ciência e Saúde. Cheguei à conclusão de que a melhor maneira de ajudar seria pela oração. Então, parei com a terapia e comecei a tratar as pessoas usando o sistema de cura da Christian Science, descrito em Ciência e Saúde.

Por que você decidiu deixar também sua carreira de consultora empresarial e dedicar-se inteiramente à cura espiritual?

Porque senti um imenso amor a Deus. Ciência e Saúde estava abrindo a Bíblia para mim. Fui impelida a viver de acordo com o que estava aprendendo nos ensinamentos desses dois livros e dedicar todo meu tempo a isso.

Você se sentiu realizada?

Completamente. Encontrei respostas aos questionamentos fundamentais a respeito de quem eu sou, porque existo, qual o meu propósito e o significado da vida. Hoje sei como curar e manter-me saudável, fisica, mental, emocional, e espiritualmente. Ciência e Saúde trata especificamente disso.

E qual foi a reação dos seus colegas de trabalho?

Tive a oportunidade de apresentar Ciência e Saúde a muitos deles. Alguns o leram e começaram a aplicar suas idéias e outros o guardaram para mais tarde. Nos Estados Unidos, profissionais da saúde mental estão se interessando cada vez mais por incorporar a espiritualidade à sua prática médica.

Por que Ciência e Saúde pode ser considerado um livro de referência para profissionais da saúde?

A Escola de Medicina Harvard patrocina o simpósio “Espiritualidade, Cura e Medicina”. A Sra. Virginia Harris, Diretora do Setor dos Escritos de Mary Baker Eddy e presidente d’O Conselho de Diretores da Christian Science faz parte do corpo docente desde desde 1995. Ciência e Saúde é um dos livros recomendados pelo Simpósio e duranteo evento muitos ouviram falar sobre o livro e o compraram. Em duas ocasiões, além da Sra. Harris ser palestrante, o livro foi apresentado em workshop. Em março de 2002 fiz parte de um painel, em Salt Lake City, juntamente com Honor Hill, outra praticista da Christian Science e o Dr. David Hufford, Professor da Escola de Medicina da Universidade da Pennsylvania. Por volta de 70 pessoas assistiram a esse painel e estavam tão interessadas na Christian Science, que não paravam de fazer perguntas. Havia uma médica na sala, com câncer no seio, que queria saber se Ciência e Saúde poderia ajudá-la. Uma jovem que iria começar sua residência em neurologia comentou: “Esse livro vai ser tão bom para meus pacientes com disfunções cerebrais!” Uma enfermeira viu que poderia deixar o livro na clínica, disponível para os pacientes. O interesse era tanto, que muitos não saíram, mesmo após o término do tempo estipulado.

Por que Ciência e Saúde pode ser útil aos profissionais da saúde?

Cada vez mais, os médicos estão pesquisando sobre a espiritualidade e as possibilidades da cura espiritual. Ciência e Saúde é um livro essencial para essa área, pois apresenta uma perspectiva espiritual sobre a saúde e mostra como enfrentar o medo. O primeiro capítulo é sobre a oração. Muitos médicos querem orar com os pacientes ou saber como orar por eles. Uma médica me comentou que esse livro a ajudou a ter uma visão diferente de seus pacientes e a ajuda a não enfocar os sintomas físicos. Ela busca no livro inspiração, orientação, consolo e, às vezes, o sugere a seus pacientes. Nos Estados Unidos e em outras partes do mundo há um crescente interesse e reconhecimento de que Ciência e Saúde pode ser útil para a prática médica. Médicos e outros profissionais da saúde o estão lendo, aplicando suas idéias, curando e sendo curados.

Pesquisa feita pela TIME/CNN:

Entre os norteamericanos, 82% acredita no poder sanador da oração;

73% acredita que orar para alguém pode ajudar a obter a cura;

64% acha que os médicos deveriam orar com os pacientes, caso estes o peçam. Publicado na revista TIME de 24/06/1996.

Mais de 70 Escolas de Medicina nos EUA dão cursos de espiritualidade e saúde.

http://www.researchnews.org/archives/2001/Mar_editorial.html


Giulia Plum é profissional da saúde há muitos anos. Na verdade, desde criança seu sonho era ajudar as pessoas. Já na universidade, decidiu formar-se em Assistência Social. Durante o mestrado na mesma área, assistia pacientes em um hospital público em Nova Iorque. Como psicoterapeuta, trabalhou em uma clínica psiquiátrica e em uma agência de assistência familiar. Foi também consultora empresarial na avaliação de funcionários com problemas mentais ou emocionais e para criação de programas como “gerenciar o estresse”, “adequação à mudança” entre outros. Atualmente, dedica-se à cura espiritual como praticista da Christian Science. Giulia foi entrevistada por Leide Lessa e em seguida apresentamos excertos da entrevista.

TENHA ACESSO A MAIS ARTIGOS TÃO BONS COMO ESTE!

Bem-vindo ao Arauto-Online, o portal dO Arauto da Ciência Cristã. Esperamos que tenha gostado deste artigo que foi partilhado com você.

Para ter acesso total aos Arautos, ative sua conta usando seu número de assinante do Arauto impresso, ou assine JSH-Online ainda hoje!

More in this issue / outubro de 2003

A Missão dO Arauto

Quando Mary Baker Eddy estabeleceu o Arauto em 1903, ela disse que sua missão era a de "anunciar a atividade e a disponibilidade universal da Verdade" (The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany, p. 353).

O Arauto registra, em suas páginas, a transformação que ocorre na vida de muita gente e mostra que cada um de nós pode chegar à Verdade.

Que alegria pensar que o efeito da Verdade atua na consciência humana, trazendo cura e renovação! Nosso Mestre, Cristo Jesus, nos prometeu algo que de fato está se cumprindo: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará" (João 8:32).

Cyril Rakhmanoff, O Arauto da Ciência Cristã, edição de julho de 1998
Conheça melhor O Arauto e sua missão.