Skip to main content
Original para a Internet

Conferências da Ciência Cristã — o efeito do Confortador

Da edição de outubro de 2017 dO Arauto da Ciência Cristã

Tradução do original em inglês publicado na edição de agosto de 2017 do The Christian Science Journal.

Publicado anteriormente como um original para a Internet em 24 de agosto de 2017.


A conferência da Ciência Cristã fala da cura. Cura de todo tipo, desde a cura física e um senso totalmente novo sobre o que é possível, real e bom, até a cura de corações que anseiam ardentemente pelo poder de Deus para elevar espiritualmente toda a humanidade. (Ver o artigo do ano passado na edição de agosto do Journal e na edição de dezembro dO Arauto para saber mais.) 

Embora possa parecer que a conferência seja a causa da cura, eu passei a considerar as conferências mais como o efeito do Consolador, do Confortador que cura e que Cristo Jesus definiu como o espírito da Verdade, que iria nos ensinar todas as coisas, nos guiaria a toda a verdade e nos lembraria de tudo o que ele nos disse (ver João, capítulos 14–16). Esse Confortador está constantemente elevando a todos nós espiritualmente, em toda parte, para que alcancemos novas concepções acerca de Deus e da realidade. Mary Baker Eddy identificou o Confortador como a Ciência divina, a Ciência do Cristo — uma explicação e uma compreensão do “Deus conosco” — que alcança toda a humanidade. O Confortador é o que verdadeiramente dá impulso à conferência e à cura que dela provém.

Reconhecer que a conferência é a expressão natural do Confortador, realmente nos guia na organização do evento da maneira mais eficaz.

Por exemplo, ao invés de iniciar os preparativos para a conferência partindo do sistema típico do planejamento de um evento, ou seja, escolha da data, local, conferencista, publicidade, etc., podemos começar ouvindo, em espírito de oração, o que Deus está nos chamando a ver e a fazer. Eu compararia isso a viver um estilo de vida saudável, que permanece em estreita comunhão com Deus, e deixa que as atividades se desenvolvam a partir da inspiração e orientação dadas por Ele, ao invés de focar coisas como dietas e exercícios físicos. Precisamos escolher a data e o local para a conferência, da mesma maneira que precisamos comer e ser ativos, mas essas atividades não constituem a fonte ou a causa da nossa saúde ou de uma conferência sanadora. Portanto, deveríamos ficar alerta contra as tendências sutis de se confiar nelas como a fonte de qualquer coisa boa. Elas são simplesmente as vias através das quais o bem de Deus tomará forma naturalmente, da maneira mais útil, enquanto nós estamos focados em como o espírito da Verdade está nos conduzindo. 

Compreender que o impulso por trás das conferências é o Confortador, também nos ajuda a ver que todos nós somos necessários nessa atividade. Pode ser tentador imaginar que a responsabilidade esteja sobre os ombros de outra pessoa, ou que, de qualquer maneira, não podemos contribuir muito. Mas patrocinar uma conferência da Ciência Cristã não se resume realmente a uma ou outra pessoa, seja o conferencista, o presidente da comissão de conferências ou aqueles que se dispuseram especificamente a ajudar. A Ciência do Cristo aplica-se a todos igualmente e pode ser vivida por todos e cada um, uma vez que essa é a natureza de uma ciência: Uma ciência não tem nenhuma hierarquia; seus princípios se aplicam a todos igualmente. Se cairmos na tentação de acreditar que alguma outra pessoa tenha mais acesso à Ciência do Cristo, seja mais digna dela, ou seja mais capaz de vivê-la, então começamos a perder nosso entendimento de que ela é uma ciência. Também, na medida em que deixamos de vê-la como uma ciência, perdemos o senso do Confortador, porque isso é o que o Confortador é — a revelação de que o Cristo veio à humanidade dessa maneira universal, compreensível e possível de ser vivida. Portanto, nós todos podemos ficar atentos para ouvir qual é o nosso papel em oferecer uma conferência à nossa comunidade e reconhecer que nosso papel é essencial.

Compreender com mais clareza a natureza universal do Confortador também ajuda a elevar a perspectiva que temos do nosso próximo. E o que pensamos a respeito do próximo tem impacto direto no tipo de público que teremos na conferência. Uma perspectiva que tem a Deus como ponto de partida nos mostra que cada filho de Deus — todos na criação — está inerentemente pronto para o que é bom e verdadeiro e é receptivo ao espírito da Verdade. Portanto, quando anunciamos uma conferência, ou convidamos alguém para assisti-la, não estamos convidando “alguém de fora” para que ele obtenha algo que já não tenha. Estamos convidando um filho de Deus, dentro do eterno alcance do Amor divino, para o único lugar em que um filho de Deus mais deseja estar: em uma reunião onde as ideias relacionadas à realidade de Deus e à descoberta do Confortador serão examinadas e vivenciadas.

Dar testemunho dos fatos acerca da natureza universal da Verdade, inclusive o relacionamento de cada pessoa com a Verdade, é necessário e abençoa nosso próximo, quer essa pessoa acabe assistindo ou não à conferência. Estamos testemunhando a realidade de que o Confortador já veio a toda a humanidade e que o “reino de Deus”, como Jesus o chamou, realmente está dentro de cada um de nós. Estamos vivendo o espírito da Verdade que determina o êxito do evento. E a conferência refletirá isso, de uma maneira ou de outra. 

Com gratidão, os membros do Quadro de Conferencistas se unem a vocês nesse aspecto importante do movimento da Ciência Cristã, oferecendo conferências sobre a Ciência Cristã nas comunidades em todo o mundo. E, de forma mais ampla, somos gratos também por estarmos juntos com vocês nessa jornada de progresso em nossas descobertas diárias sobre o Confortador e as boas novas que ele traz a toda a humanidade.

Tom McElroy
Gerente, Quadro de Conferencistas

Tradução do original em inglês publicado na edição de agosto de 2017 do The Christian Science Journal.

Publicado anteriormente como um original para a Internet em 24 de agosto de 2017.

TENHA ACESSO A MAIS ARTIGOS TÃO BONS COMO ESTE!

Bem-vindo ao Arauto-Online, o portal dO Arauto da Ciência Cristã. Esperamos que tenha gostado deste artigo que foi partilhado com você.

Para ter acesso total aos Arautos, ative sua conta usando seu número de assinante do Arauto impresso, ou assine JSH-Online ainda hoje!

More in this issue / outubro de 2017

A Missão dO Arauto

Quando Mary Baker Eddy estabeleceu o Arauto em 1903, ela disse que sua missão era a de "anunciar a atividade e a disponibilidade universal da Verdade" (The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany, p. 353).

O Arauto registra, em suas páginas, a transformação que ocorre na vida de muita gente e mostra que cada um de nós pode chegar à Verdade.

Que alegria pensar que o efeito da Verdade atua na consciência humana, trazendo cura e renovação! Nosso Mestre, Cristo Jesus, nos prometeu algo que de fato está se cumprindo: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará" (João 8:32).

Cyril Rakhmanoff, O Arauto da Ciência Cristã, edição de julho de 1998
Conheça melhor O Arauto e sua missão.