Skip to main content Skip to search Skip to header Skip to footer
Original para a Internet

É Deus que melhor cuida das crianças

DO Arauto da Ciência Cristã. Publicado on-line – 10 de janeiro de 2022


Há quatro anos, meu marido e eu nos tornamos pais. Como a maioria dos casais que estão se preparando para a chegada do primeiro filho, tudo era novo em nossa experiência, desde ter de decidir sobre as coisas que precisávamos providenciar para o bebê, até fazer tudo o que era necessário para receber um recém-nascido. Como Cientistas Cristãos, nós nos voltamos de todo o coração a Deus em busca de orientação durante esse período. Embora a família e os amigos nos apoiassem com amor e recebêssemos conselhos úteis e práticos de diferentes livros sobre criação de filhos, nós sabíamos que tudo isso nunca poderia substituir a certeza, inspirada por Deus, de que tudo estaria bem e teríamos o que fosse necessário. Sabíamos que essa certeza só podia vir da compreensão de que Deus é o Pai-Mãe de todos e de confiarmos de maneira profunda e completa no fato de que Ele estava nos guiando ao longo de todo o caminho.

Mary Baker Eddy, a Descobridora e Fundadora da Ciência Cristã, ela mesma tendo sido mãe, escreveu: “Nunca peças para amanhã; é suficiente o fato de que o Amor divino é uma ajuda sempre presente; e se esperares, jamais duvidando, terás todo o necessário, a cada momento” (Escritos Diversos 1883–1896, p. 307). Essa passagem nos falava muito diretamente, em nossa nova jornada como futuros pais. Parecia uma promessa vinda diretamente de Deus, garantindo-nos que esse novo capítulo estava se revelando totalmente com a ajuda do Amor. Não tínhamos de nos preocupar com nenhum detalhe em relação à chegada desse bebê. Tudo se resolveria naturalmente. O Amor divino estava provendo a todos nós.

Meu marido e eu nos sentimos afortunados por poder ficar três meses em casa com o bebê, logo depois que ele nasceu, período esse que foi muito especial. Depois, nós dois tivemos de voltar ao trabalho e precisávamos encontrar uma creche. Na época, estávamos morando em um bairro em que havia várias creches, portanto, achamos que seria fácil encontrar um bom local. Para nossa surpresa, quase todos os lugares que cuidavam de crianças durante o dia já estavam lotados quando os contactamos. Ficamos um pouco desanimados, mas esta promessa da Bíblia nos trouxe muita paz: “Quando te desviares para a direita e quando te desviares para a esquerda, os teus ouvidos ouvirão atrás de ti uma palavra, dizendo: Este é o caminho, andai por ele” (Isaías 30:21). Essa passagem calou fundo em nosso coração. Nós a lemos várias vezes, o que nos ajudou a confiar na orientação divina. Quando a líamos, não podíamos deixar de pensar em que as palavras “atrás de ti” vêm de Deus, e que estávamos confiando na orientação divina. Isso nos ajudou a confiar no fato de que tudo ficaria bem.

Meu marido e eu compreendemos que nosso filho já era uma ideia completa de Deus, a quem o Amor divino provia tudo e proporcionava todos os cuidados. Por isso, Deus já tinha um lugar preparado para ele.

Depois de orar com essas ideias por cerca de um mês, uma vaga se abriu em uma creche perto de casa. Era um lugar conveniente, porque podíamos facilmente levar o bebê pela manhã e pegá-lo à tarde. Além disso, havia muitas crianças, e a equipe era muito simpática.

Entretanto, vários meses depois, o diretor nos informou que eles não mais ofereceriam o programa de dois dias no qual nosso filho estava inscrito, e que teríamos de matriculá-lo pelo menos dois dias mais. Inicialmente, nos sentimos um pouco decepcionados com a notícia, pois não precisávamos que ele estivesse lá mais tempo. Oramos mais a fundo sobre a situação. Isso nos fez lembrar que o Pai-Mãe conhece todos os Seus filhos e sabe qual é o lugar correto de cada um. Continuamos a orar em silêncio durante as duas semanas seguintes, confiando no fato de que um caminho se abriria. Também continuamos a dar os passos necessários para encontrar outra creche. Enquanto estávamos ouvindo atentamente a orientação de Deus, nos aferramos a esta declaração, que consta do livro-texto da Ciência Cristã: “O ‘ouvido divino’ não é um nervo auditivo. É a Mente que tudo ouve e tudo sabe, e que sempre conhece todas as necessidades do homem e as satisfaz” (Mary Baker Eddy, Ciência e Saúde com a Chave das Escrituras, p. 7). Isso nos deu a certeza de que Deus já conhecia nossa necessidade e iria supri-la, dando-nos as ideias corretas a respeito do lugar para nosso filho. Tínhamos apenas de permanecer mentalmente tranquilos e aguardar confiantes a orientação da Mente divina.

Um dia, quando eu estava de folga do trabalho, decidi ir a uma biblioteca local, e levei o menino. Enquanto lá estávamos, ele começou a brincar com um garoto de sua idade e eu comecei a conversar com a mãe dele. A certa altura, ela me perguntou sobre a creche do meu filho, e eu lhe disse que estávamos procurando outro lugar. Imediatamente ela me falou sobre a creche do filho e que estavam muito satisfeitos com o lugar e com as pessoas que lá trabalhavam. Ela gentilmente me deu o número do telefone da diretora e me incentivou a ligar para lá. Telefonei naquela mesma tarde e, como a creche ficava perto de casa, a diretora me convidou para uma visita. Fui com meu filho, que se sentiu muito em casa, e gostamos muito do lugar. A diretora era gentil, e tinha muito amor pelas crianças. Disse que dispunham de apenas uma vaga e que meu filho poderia começar no novo ano letivo. Enquanto ela me dizia isso, agradeci infinitamente a Deus por essa oportunidade de ver a mão de Deus em ação. A amorosa provisão divina nos levou a encontrar esse lugar lindo e cheio de amor.

O cuidado tangível de Deus por nossa família nos ajudou a compreender que todos os filhos de Deus estão sempre no lugar certo e que nosso Pai-Mãe, Deus os mantém. Como pais e filhos, estamos sempre supridos e em segurança nas mãos de Deus. Ninguém é deixado de fora de Sua terna atenção.

More web articles

A Missão dO Arauto

“...para anunciar a atividade e disponibilidade universal da Verdade...”

— Mary Baker Eddy, The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany p. 353 [A Primeira Igreja de Cristo, Cientista, e Outros Textos]

Conheça melhor O Arauto e sua missão.