Skip to main content Skip to search Skip to header Skip to footer
Original para a Internet

Boas-novas

Confiar em Deus antes do efeito da oração

DO Arauto da Ciência Cristã. Publicado on-line – 18 de outubro de 2021


Há algum tempo, uma experiência me fez lembrar bem nitidamente do governo de Deus em minha vida. Meu marido e eu estávamos vendendo nossa casa e iniciamos o processo de compra de outra. Havia um prazo bastante longo para que esta fosse entregue. Esse longo prazo era necessário porque o imóvel fazia parte de um empreendimento no qual os compradores haviam concordado em comprá-lo antes de começar a construção, e assim poderiam fazer inumeráveis modificações nas áreas internas.

Apesar de ter colocado a casa onde morávamos à venda vários meses antes da data prevista para a entrega da nova residência, não tínhamos recebido nenhuma oferta de compra. Visto que não estávamos financeiramente preparados para pagar dois financiamentos, percebi que precisava orar efetivamente a respeito.

Fiquei tentada a sentir medo, ao aproximar-se o fim do prazo para a compra da nova casa. A ideia que me veio foi de que eu não queria ser como os filhos de Israel, os quais estavam felizes por terem sido salvos dos egípcios e das ameaçadoras águas do Mar Vermelho, mas parecia que, quando surgia o problema seguinte, esqueciam-se da maravilhosa prova que haviam tido da proteção de Deus. Em outras palavras, percebi que uma coisa é dizer: “Obrigada, Deus, foi ótimo”, quando o problema está resolvido. Outra coisa é ser capaz de dizer, como fez Jesus: “…eu sabia que sempre me ouves…” (João 11:42), antes de ver a modificação necessária.

Cada vez que se me apresentava o senso de urgência, eu pensava nas curas que tive em minha vida, que haviam inúmeras vezes dado provas de que Deus está no comando da situação. Cada lembrança fortalecia minha confiança e não deixava qualquer espaço para a dúvida ou para a incerteza a respeito do poder e da presença de Deus. Também me lembrei das várias vezes em que os filhos de Israel tinham sido salvos sob terríveis circunstâncias. Além disso, eu rememorei as admoestações de Jesus para não nos concentrarmos em buscar resultados materiais, mas para buscarmos primeiro a Deus, quando disse: “…pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:32, 33).

Continuei a reconhecer que é Deus que está no comando, não a imobiliária, nem os potenciais compradores, nem eu. Ao continuar a confiar dessa forma, consegui me livrar de toda a preocupação sobre a venda da casa, que foi vendida na mesma data em que expirou o prazo para a escritura de compra do novo imóvel.

Minha família e eu continuamos a ser muito gratos por essa prova clara do governo de Deus, que atende a todas as nossas necessidades.

Barbara Rocha

More web articles

A Missão dO Arauto

“...para anunciar a atividade e disponibilidade universal da Verdade...”

— Mary Baker Eddy, The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany p. 353 [A Primeira Igreja de Cristo, Cientista, e Outros Textos]

Conheça melhor O Arauto e sua missão.