Skip to main content
Original para a Internet

Para jovens

Onde você vive?

DO Arauto da Ciência Cristã . Publicado on-line – 23 de dezembro de 2018


Dentre todas as perguntas que já me ocorreram enquanto estou orando, exatamente essa do título é a que me surge com mais frequência. Provavelmente porque vai direto ao âmago do que acontece quando oramos.

Há muitas formas de orar, e a oração me põe em um lugar onde sinto meu coração tão aberto para Deus, que posso não apenas ouvir, como também aceitar o que Deus está me comunicando a respeito da Sua suprema bondade e poder. Nesse lugar de quietude e humildade, tenho vislumbres da maravilha que é o universo de Deus, o universo do Espírito, onde a liberdade e a saúde são naturais. E começo a entender que é nesse lugar que eu vivo, em que todos nós vivemos.

Não é sobre isso que o Natal fala? Pode-se dizer que o nascimento de Cristo Jesus abriu a porta para um mundo novo, pleno de beleza e possibilidades, porque a vida e o ministério de Jesus demonstraram o que Deus realmente é, e o que somos, como filhos e filhas de Deus. O poder de cura do Cristo, a Verdade, não existiu apenas para aquelas pessoas daquele tempo, mas foi um presente para todos nós, pois as curas que Jesus realizou mostraram que “...está próximo o reino dos céus” (Mateus 3:2). Em outras palavras, mostraram que em vez de vivermos em um mundo cheio de problemas e desapontamentos, na verdade vivemos, agora mesmo, no reino de Deus. O Cristo sanador, a verdadeira ideia de Deus, que era tão evidente nas obras de Jesus, ainda está conosco hoje, despertando-nos para essa realidade pura, e dando-nos a capacidade de provar que qualquer coisa que não expresse a Deus, o bem, é irreal e sem poder.

Então a resposta para a pergunta: “Onde você vive?” é que vivemos em um mundo concebido, mantido em ordem e constituído pelo Amor divino. Mas por que isso é importante? E o que significa para nossa vida?

Para mim, essas perguntas trouxeram à luz uma imensa variedade de respostas. Por exemplo, saber que “vivemos, e nos movemos, e existimos” em Deus (Atos 17:28) significa que me sinto mais segura e protegida. Isso me ajudou a encontrar reconforto, e a encontrar cura quando estive doente. E me tornou também mais alerta para com os pensamentos que abrigo, e me fortaleceu para não aceitar os pensamentos que estão sutilmente insinuando que eu vivo em algum outro lugar que não o reino de Deus.

Pode ser bem fácil simplesmente deixar todos os tipos de pensamentos resvalarem para dentro de nossa cabeça, e então acreditar que são nossos, mesmo quando são completamente diferentes do nosso modo natural de pensar. Foi o que me aconteceu uma vez na época do Natal, quando percebi que eu estava estranhamente impaciente e irritada com... bem, parecia que com quase todo mundo. Mas à medida que orei a respeito desses pensamentos, a familiar pergunta me apareceu de novo: Onde você vive? 

Ocorreu-me que eu andava pensando que vivia em uma atmosfera de festejos onde todos estavam apressados, impacientes e irritados. Mas esses não eram realmente meus pensamentos, nem de ninguém mais, porque somos todos filhos e filhas de Deus, vivendo no universo dEle, e refletindo a Mente una, a qual é também o Amor. O entendimento de que eu estava segura em Deus, e por isso não poderia ser influenciada pelos pensamentos negativos que pareciam “estar no ar”, rapidamente neutralizou aqueles ímpetos impacientes, e percebi um senso da paz de Deus que permaneceu comigo por toda a temporada do Natal.

Em última análise, o que é tão poderoso sobre essa simples pergunta: Onde você vive? É realmente entendermos que não podemos viver em nenhum outro lugar que não seja a presença radiante do amor de Deus. Então nossos pensamentos e experiências mudam. E assim somos levados a ter percepções mais claras do admirável universo do Espírito, tornando-nos sanadores para o mundo.

More web articles

A Missão dO Arauto

Quando Mary Baker Eddy estabeleceu o Arauto em 1903, ela disse que sua missão era a de "anunciar a atividade e a disponibilidade universal da Verdade" (The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany, p. 353).

O Arauto registra, em suas páginas, a transformação que ocorre na vida de muita gente e mostra que cada um de nós pode chegar à Verdade.

Que alegria pensar que o efeito da Verdade atua na consciência humana, trazendo cura e renovação! Nosso Mestre, Cristo Jesus, nos prometeu algo que de fato está se cumprindo: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará" (João 8:32).

Cyril Rakhmanoff, O Arauto da Ciência Cristã, edição de julho de 1998
Conheça melhor O Arauto e sua missão.