Skip to main content
Original para a Internet

Panorama espiritual

Reconhecer, rejeitar e deletar

DO Arauto da Ciência Cristã . Publicado on-line – 1º de outubro de 2018


Certo dia, eu estava recebendo frequentes chamadas telefônicas de um número que não conhecia. Quando verifiquei o número, vi que eram ligações fraudulentas, vindas de fora do país, pelas quais automaticamente eu teria pago taxas bem altas, se tivesse atendido. Não duvidei de rapidinho rejeitar e deletar aquelas chamadas. 

Então, comecei a raciocinar que eu tinha me livrado de muita frustração, simplesmente por reconhecer, rejeitar e deletar aqueles telefonemas indesejados. Isso me fez pensar em como eu poderia reconhecer, rejeitar e deletar pensamentos negativos e emoções indesejadas, como o ódio, a maldade, e a vingança.

Para fazer isso, precisamos primeiro resguardar nossa maneira de pensar, para reconhecer sugestões mentais que poderiam interromper nosso estado natural de paz, proveniente de Deus e que reflete a Deus; depois, temos de rejeitar e “deletar” tais pensamentos indesejados. Como diz Mary Baker Eddy: “Os maus pensamentos, a cobiça e os propósitos malévolos não podem ir, como o pólen errante, de uma mente humana para outra e ali encontrar alojamento sem serem percebidos, se a virtude e a verdade formam forte defesa” (Ciência e Saúde com a Chave da Escrituras, pp. 234–235). Estou muito contente por ter sido alertada, de forma tão clara, para essa importante lição, que fortalece minha prática da cura pela Ciência Cristã.

O ódio, a vingança, a maldade, e outros pensamentos negativos não têm lugar na consciência governada por Deus, o Amor divino. O ato de, instantaneamente, rejeitar e deletar tais pensamentos indesejados ajuda a preservar nossa inata tranquilidade espiritual.

Racine Dews

More web articles

A Missão dO Arauto

Quando Mary Baker Eddy estabeleceu o Arauto em 1903, ela disse que sua missão era a de "anunciar a atividade e a disponibilidade universal da Verdade" (The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany, p. 353).

O Arauto registra, em suas páginas, a transformação que ocorre na vida de muita gente e mostra que cada um de nós pode chegar à Verdade.

Que alegria pensar que o efeito da Verdade atua na consciência humana, trazendo cura e renovação! Nosso Mestre, Cristo Jesus, nos prometeu algo que de fato está se cumprindo: "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará" (João 8:32).

Cyril Rakhmanoff, O Arauto da Ciência Cristã, edição de julho de 1998
Conheça melhor O Arauto e sua missão.