Skip to main content Skip to search Skip to header Skip to footer

Meu verdadeiro emprego

Da edição de novembro de 1999 dO Arauto da Ciência Cristã


No segundo ano da faculdade, senti o desejo de começar a trabalhar na minha área. Entretanto, onde quer que eu me apresentasse, nunca era escolhida. Diziam que eu era jovem demais e não tinha experiência.

Um domingo, antes de abrir o jornal para recortar os anúncios de empregos, eu orei. Em meu coração, reconheci que Deus é supremo e que não há ninguém mais importante do que Ele, ou que tenha mais influência do que Ele. Encontrei um anúncio adequado e enviei meu currículo. Dias depois, fui chamada para uma entrevista.

A caminho da entrevista, percebi que eu estava pensando negativamente. Eu estava me sentindo amargurada por estar desempregada. Sabia, porém, que devia começar a pensar nas idéias que Deus estava me enviando. Um pensamento que me veio foi o de que Deus havia me dado qualidades especiais para eu expressar. É aí que estava meu verdadeiro emprego: expressar as qualidades espirituais que Deus me dera!

Faça o login para visualizar esta página

Para ter acesso total aos Arautos, ative uma conta usando sua assinatura do Arauto impresso, ou faça uma assinatura para o JSH-Online ainda hoje!

More in this issue / novembro de 1999

A missão dO Arauto da Ciência Cristã 

“...anunciar a atividade e disponibilidade universal da Verdade...”

Mary Baker Eddy, The First Church of Christ, Scientist, and Miscellany [A Primeira Igreja de Cristo, Cientista, e Outros Textos], p. 353

Conheça melhor o Arauto e sua missão.